Setembro Amarelo – Mês de prevenção do suicídio: como ajudar?

Todos nós estamos passando por um momento muito complicado. A pandemia impactou diretamente não só nossa cultura, mas também nossa saúde mental de forma agressiva.

A campanha do Setembro Amarelo caiu como luvas, afinal a ansiedade, a depressão, o desespero e a vontade de acabar com a dor ganhou forças nesse isolamento.

A solidão faz o ser humano pensar coisas inimagináveis.

Mesmo de longe,  fique atento com as pessoas ao seu redor e a comentários do tipo: “vou desaparecer ”; “ vou deixar vocês em paz”; “quero dormir e nunca mais acordar”; “é inútil tentar fazer algo para mudar”, mesmo que falados em tom de brincadeira.

Ofereça ajuda: pergunte se você pode fazer algo para ajudar, isso incentiva a pessoa a falar sobre o assunto.

Seja um bom ouvinte: tenha empatia, ouça o que a pessoa tem a dizer sem julgar ou tentar avaliar.

Não condene ou julgue as pessoas. Banalizar ou diminuir pode ser a gota de falta para elas acabarem com si mesmas. A gente nunca sabe a realidade e dor do outro.

Tenha empatia. Seja solidário! Ofereça seus ouvidos às pessoas, falar é a melhor solução!

A tecnologia está bastante avançada e hoje existem aplicativos que podem servir como um braço amigo. No mercado, o APP Avatar da Saúde (avatardasaude.com.br) tem ganho muito espaço por oferecer consulta psicológica com parceiros de forma prática e otimizada.

Ofereça ajuda. Às vezes, é só disso que a pessoa precisa para tentar lutar mais uma vez.

O post Setembro Amarelo – Mês de prevenção do suicídio: como ajudar? apareceu primeiro em Blog da Saúde.

O conteúdo Setembro Amarelo – Mês de prevenção do suicídio: como ajudar? Apareceu primeiro em Blog da Saúde