Quiabo Dá Gases?

Quiabo

Confira se é verdade que comer quiabo dá gases ou se não há motivo para se preocupar com esse efeito colateral ao consumir o legume.

O frango com quiabo é uma receita típica do estado de Minas Gerais, como você já deve ter ouvido falar. Mas não é somente nela que o legume pode aparecer: dá para consumir o quiabo refogado ou assado e em receitas de sucos, sopas, caldos, saladas de quiabo e muito mais!

É claro que o modo de preparar o alimento pode afetar o seu valor nutricional, mas antes de virar a cara para o quiabo por conta de sua típica babinha, é importante saber que o alimento serve como fonte de diversos nutrientes que precisamos fornecer ao nosso organismo para ele funcione apropriadamente.

Segundo o Banco de Dados Nacional de Nutrientes do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, sigla em inglês), uma xícara com aproximadamente 100 g de quiabo cru contém nutrientes como a vitamina C, fibras, potássio, magnésio, cálcio, vitamina A, vitamina B1, vitamina B6, vitamina B9, e vitamina K.

O quiabo também fornece um pouco de ferro, niacina (vitamina B3), fósforo e cobre. É por conta disso tudo que existem tantos benefícios do quiabo para a saúde e boa forma.

Por outro lado, precisamos ponderar que mesmo alimentos saudáveis podem provocar efeitos desagradáveis como a flatulência exagerada. Seria o quiabo um deles?

Você já ouviu falar que o quiabo dá gases?

Em um documento intitulado “Dicas úteis para controlar os gases”, a Universidade de Michigan, dos Estados Unidos, classificou o quiabo dentro do grupo de vegetais que provocam uma quantidade normal de gases.

Já a Fundação Internacional para Distúrbios Gastrointestinais (IFFGD) classificou o quiabo como um dos alimentos que apresentam menor probabilidade de causar a flatulência.

A síndrome do intestino irritável

A
nutricionista Megan Ware contou que o quiabo é rico nos chamados frutanos, uma
classe de carboidratos que pode provocar gases e outros sintomas como diarreia,
inchaço e cólica em pessoas que sofrem com problemas intestinais.

“Pessoas com a síndrome do intestino irritável e outras condições intestinais são mais propensas a serem sensíveis aos alimentos ricos em frutanos”, completou a especialista.

Por
sua vez, a nutricionista Jill Corleone explicou que embora a dieta exerça um
importante papel no auxílio ao controle da síndrome do intestino irritável, os
alimentos que causam problemas ao quadro variam de pessoa para pessoa.

Ou
seja, não podemos concluir com certeza que o quiabo dá gases para todas as
pessoas que sofrem com a síndrome do intestino irritável.

Segundo o documento “Dicas úteis para controlar os gases” da Universidade de Michigan, cada pessoa tolera os alimentos de maneira diferente e enquanto alguns alimentos são grandes produtores de gases para algumas pessoas, eles podem produzir uma quantidade de flatulência apenas normal para outras.

Se
você sofre com a síndrome do intestino irritável ou algum outro tipo de
problema intestinal, converse com o seu médico a respeito de como deve
funcionar a sua alimentação, de modo que os sintomas da condição sejam
amenizados e não agravados.

Antes de tirar um alimento saudável como o quiabo do prato…

Por acreditar que ele está provocando muitos gases no seu organismo, vale a pena consultar um médico para saber se o fruto é realmente o responsável pelo problema. Isso porque, como você irá conferir no tópico a seguir, outros fatores alheios à alimentação também podem ser a origem da flatulência.

Se
o profissional determinar que você deve tirar o quiabo das refeições, converse
com ele e/ou com o seu nutricionista para saber qual alimento pode ser colocado
no lugar dele, de modo que você não fique sem fornecer ao seu organismo os
nutrientes encontrados na composição do fruto.

Mas a culpa não pode ser jogada somente na alimentação

Mais do que saber
se o quiabo dá gases, é importante que conheçamos quais outros fatores – não
apenas aquilo que comemos e bebemos durante as nossas refeições – podem
interferir na produção de gases no organismo.

O PhD e professor clínico associado de nutrição da Universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, Charles Mueller explicou que os gases que soltamos não são produzidos somente pelos alimentos que consumimos, mas também pelo ar que engolimos, que acaba passando pelo trato gastrointestinal.

No mesmo sentido, o gastroenterologista, professor clínico associado de medicina da Universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, e PhD David Poppers esclareceu que os gases são uma combinação entre dois fatores: o ar que engolimos, ao comer rápido demais, e o alimento que consumimos.

A nutricionista Abby Langer explicou ainda que doenças gastrointestinais sérias também podem ser a principal causa dos gases. Eles ainda podem estar relacionados ao uso de alguns medicamentos e a problemas na flora intestinal, completou a especialista.

“Para aqueles que não têm um problema de fundo (para provocar os gases, como as doenças gastrointestinais), a quantidade de gases que nós temos está diretamente relacionada com a quantia de alimento e/ou ar não digerido no nosso cólon. Se nós estamos comendo coisas que o nosso corpo não está decompondo, nós vamos ter gases”, completou Langer.

Ainda que seja
constrangedora, a flatulência é uma função normal do corpo, completou o PhD
Charles Mueller. Ele alertou ainda que devemos nos preocupar mais quando não
estivermos soltando gases do que quando a flatulência aparecer.

Mueller orientou também
a procurar o auxílio médico quando ocorrerem mudanças nos hábitos intestinais
que não se resolvem sozinhas como cólicas, inchaço, prisão de ventre, diarreia,
não ter flatulência alguma ou o aparecimento de muitos gases.

Fontes e Referências
Adicionais:

Você já tinha percebido que quiabo dá gases em você? Consome com frequência este legume? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo Quiabo Dá Gases? Aparece primeiro em Mundo Boa Forma