O que é goma xantana, para que serve e como usar

Tem dúvidas sobre a composição da goma xantana? Veja o que é a goma xantana, para que serve e como usar esse ingrediente em suas receitas.

A goma xantana é um polissacarídeo obtido a partir da fermentação da bactéria Xanthomonas campestris. Já o açúcar usado na produção da goma xantana pode ser obtido de fontes vegetais como o milho, o trigo ou a soja. 

Essa goma é usada principalmente para mudar a textura dos alimentos em algumas receitas, mas seu uso também pode trazer alguns benefícios para a saúde.

Aliás, outro agente espessante parecido com a goma xantana é a goma guar. Confira também para que serve a goma guar e os seus benefícios.

Muito procurada por exercer o mesmo papel que o glúten em diversas receitas, a goma xantana estabiliza os alimentos e preserva a maciez e a elasticidade de pães, bolos, massas e etc.

O que é goma xantana

A goma xantana é uma fibra encontrada como um pó branco. Ela é um agente espessante que aumenta a viscosidade e estabiliza os alimentos.

De fato, o uso da goma xantana em receitas faz com que massas em geral fiquem mais elásticas e consistentes.

Além de ser um ingrediente da culinária, a goma xantana também é utilizada na indústria farmacêutica e em outras áreas. A goma é usada, por exemplo, para produzir cremes dentais com uma melhor textura.

Para que serve

A goma xantana serve para dar consistência e melhorar a textura, sabor, aparência e até o prazo de validade de vários alimentos.

Por isso, ela é muito usada para compor alimentos como molhos para salada, sucos, sopas, produtos de confeitaria, sorvetes, xaropes e alimentos livres de glúten.

Produtos de higiene pessoal como xampus, cremes e pastas de dente também podem conter goma xantana.

Aliás, até mesmo produtos industriais como tintas, fluidos em geral, adesivos, limpadores de azulejos, fungicidas, inseticidas e herbicidas contam com a goma xantana para dar estabilidade e viscosidade.

Alguns potenciais benefícios da goma xantana para nossa saúde podem incluir: 

1. Ajuda a regular o açúcar no sangue

Se consumida em altas doses (em torno de 12 g ao dia), a goma xantana pode diminuir o açúcar no sangue.

Conforme dados de um estudo, a goma xantana transforma os fluidos do estômago e do intestino em substâncias viscosas com aspecto de gel que tornam mais lenta a digestão. Além disso, ela também torna mais lenta a entrada de açúcar na corrente sanguínea.

2. Pode ajudar no controle do colesterol

A goma xantana pode ajudar a diminuir os níveis de colesterol em até 10%. No entanto, doses altas do ingrediente podem causar quedas muito grandes no colesterol do sangue.

3. Contribui com a perda de peso

Além de retardar o processo digestivo, o consumo de goma xantana pode aumentar a sensação de saciedade e, desta forma contribuir, com a perda de peso. 

4. Pode ajudar no combate ao câncer

Estudos preliminares sugerem que a goma xantana pode diminuir o crescimento de tumores cancerígenos do tipo melanoma.

5. Regula o intestino

A goma pode aumentar o fluxo de água nos intestinos, deixando as fezes mais macias e volumosas. Isso facilita a saída das fezes e pode aumentar a frequência de evacuação.

Por isso, a goma xantana também funciona como um laxante em certos casos de constipação.

6. Alivia a boca seca

Quem sofre de boca seca pode se beneficiar do uso de goma xantana como substituto da saliva, já que o aditivo pode engrossar a saliva e aliviar a secura na boca e na garganta.

7. Deixa os líquidos mais espessos

Além de ser uma propriedade útil na culinária e na indústria alimentícia, o espessamento pode ajudar aqueles que têm dificuldades de deglutição. É o caso de idosos ou pessoas com doenças neurológicas, por exemplo, que não conseguem engolir os alimentos.

Outro agente espessante de alimentos bastante conhecido é o amido de milho. Aproveite para conferir o que é o amido de milho e seus benefícios.

Como usar a goma xantana

como-usar-a-goma-xantana-em-receitas

Na sua cozinha, a goma xantana serve para fazer o papel do glúten de suas receitas. Sendo assim, ela é um ingrediente indispensável para os alérgicos ao glúten

Certamente, os veganos também podem aproveitar as suas propriedades para melhorar a textura de receitas. Exemplos incluem receitas como bolos e tortas preparadas sem ovos e também para substituir a gelatina em certas preparações.

Você pode usar a goma em praticamente qualquer receita que precise de um agente emulsionante, ou seja, para “dar liga”. Alguns exemplos são pães, bolos, tortas, sobremesas e molhos.

Dose usual de goma xantana

Antes de incluir a goma em suas receitas, misture o pó com um pouco de líquido – pode ser água, óleo, suco ou leite, por exemplo. E lembre-se: quanto maior a quantidade de goma, mais espesso o líquido se tornará.

A medida usual é de ½ colher de chá de goma xantana para cada xícara de farinha da receita.

Para outras aplicações – como para ajudar no tratamento da diabetes ou como um laxante, por exemplo – a Organização Mundial da Saúde (OMS) sugere a ingestão máxima de até 15 g por dia e estabelece o uso de no máximo 10 mg / kg ao dia como aditivo alimentar.

É boa para a saúde? 

Por ser um aditivo alimentar muitas vezes usado unicamente para melhorar as propriedades dos alimentos na indústria, muitos se perguntam se a goma xantana faz mal.

De fato, os aditivos alimentares em geral não adicionam nenhum nutriente ao alimento e apenas melhoram sua aparência, sabor e textura.

Apesar de a goma xantana trazer alguns benefícios e ser segura para a saúde, ela não é um ingrediente nutritivo. Por isso, o uso em excesso pode causar problemas digestivos como dor de estômago e gases, por exemplo.

No entanto, de acordo com um estudo, efeitos colaterais como gases, alteração na composição da flora intestinal, aumento na produção de fezes e maior frequência de evacuações são raros.

Além disso, eles só ocorrem após a ingestão diária de 15 gramas (ou mais) de goma xantana – o que é bastante improvável em uma dieta típica.

Ainda assim, alguns grupos de pessoas estarão mais seguros evitando o consumo de goma xantana. São eles:

  • Alérgicos ao trigo, milho, soja ou produtos lácteos;
  • Pessoas que vão se submeter a uma cirurgia ou que usam certos medicamentos pois a goma xantana pode alterar os níveis de açúcar no sangue e gerar problemas;
  • Bebês prematuros ou recém-nascidos que ainda não tem um sistema digestivo bem desenvolvido ou maduro o suficiente;
  • Indivíduos com histórico médico de diarreia ou de dor gastrointestinal intensa, uma vez que a goma xantana diminui a umidade do trato digestivo e pode com isso piorar a diarreia;
  • Pessoas com alergia a plantas crucíferas como os brócolis, o repolho ou a couve, pois a bactéria usada na fermentação da goma xantana também está presente nesses vegetais;
  • Aqueles com histórico de incontinência fecal já que a goma pode gerar um efeito laxante.

Alternativas à goma xantana

Para quem prefere buscar alternativas à goma xantana – seja por causa dos eventuais riscos à saúde ou por simplesmente se deparar com uma receita que leva a goma e não ter o produto em casa – existem várias opções, como:

Apesar de efeitos adversos (especialmente digestivos) existirem, o risco é muito baixo e tais efeitos tendem a desaparecer com o tempo de uso.

Além do mais, a quantidade de goma xantana utilizada em alimentos industrializados ou nas receitas preparadas em casa é muito pequena para causar qualquer tipo de mal à saúde.

Por fim, a goma pode ser realmente benéfica para pessoas que têm dificuldades com a deglutição, por exemplo, e o seu uso moderado pode ser interessante e seguro para sua saúde.

Fontes e Referências Adicionais

Você já usou a goma xantana em suas receitas? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo O que é goma xantana, para que serve e como usar Aparece primeiro em Mundo Boa Forma