Como Fazer Farinha de Maracujá – 4 Formas e Dicas Especiais

Farinha de maracujá

Aprenda como fazer farinha de maracujá de 4 formas diferentes e veja mais dicas especiais para ter o melhor resultado.

Você certamente já viu ou consumiu a fruta maracujá, seja na forma de suco ou na forma de um doce como bolo, mousse ou torta. Falando nisso, veja algumas receitas de molho de maracujá e receitas de mousse de maracujá light. Mas você sabia que também existe uma farinha à base da fruta?

Exatamente. Abaixo, vamos aprender como fazer farinha de maracujá. Aproveite e já aprenda também receitas low carb com a farinha de maracujá e entenda se a farinha de maracujá emagrece.

Benefícios associados à farinha de maracujá

O perfil nutricional da casca de maracujá, o ingrediente principal da farinha de maracujá, é impressionante: riquíssima em fibras, ela também é considerada uma ótima fonte de potássio, além de apresentar ferro, cálcio, fósforo e vitamina B3 em sua composição.

A pesquisa “Potential Health Benefits of Passion Fruit Peel Flour” (Potenciais Benefícios para a Saúde da Farinha da Casca de Maracujá, tradução livre) apontou que a farinha preparada a partir das cascas do maracujá demonstrou aumentar o HDL (colesterol bom) e diminuir a glicose, o colesterol total, o LDL (colesterol ruim), a pressão arterial e até o peso corporal em pessoas e ratos diabéticos.

Os apontamentos do estudo servem como indício de
que usar a farinha de maracujá pode oferecer algum tipo de auxílio para quem
sofre com um dos problemas mencionados acima. Entretanto, isso se dá em um sentido
complementar. Quem possui qualquer uma dessas condições precisa
obrigatoriamente continuar a seguir as recomendações de tratamento passadas
pelo médico – caso contrário, poderá ser perigoso para a saúde.

Os nutricionistas defendem que para que a farinha
de maracujá surta efeito tanto em curto prazo quanto em longo prazo é
necessário que a pessoa consuma o produto regularmente, sempre na companhia de
uma alimentação saudável e equilibrada, de uma boa ingestão de líquidos
diariamente e da prática regular de exercícios físicos.

4 formas e receitas de como fazer farinha de maracujá

Receita 1

Ingredientes:

  • 4 unidades de maracujá.

Modo de preparo:

Lavar as frutas e separar as polpas das cascas dos maracujás – não jogar fora as polpas, reservá-las para suco de maracujá ou alguma outra receita da fruta mais tarde; Remover a parte branca das cascas das frutas; Transferir a parte branca removidas das cascas de maracujá para uma assadeira e levar ao forno em fogo médio até que elas fiquem secas e quebradiças.

Feito isso, bater as cascas de maracujá no liquidificador ou mixer até que elas sejam bem trituradinhas. Então, armazenar a farinha de maracujá dentro de um recipiente esterilizado, seco e bem fechadinho.

Receita 2

Ingredientes:

  • 2 unidades de maracujá.

Modo de preparo:

Lavar os maracujás. Cortá-los ao meio e remover as polpas. Reservar as polpas para o preparo de sucos ou outras receitas posteriormente; Cortas as cascas do maracujá em tirinhas finas, transferi-las para uma assadeira e levar ao forno até ficarem sequinhas, ao ponto de quebrar.

Levar as tirinhas finas de casca de maracujá ao liquidificador e bater até adquirir um pó. Armazenar em um pote bem esterilizado, seco e fechado.

Receita 3

Ingredientes:

  • 4 unidades de maracujá.

Modo de preparo:

Colocar os maracujás de molho em um recipiente com um litro de água e uma colher de água sanitária ao longo de 15 minutos; Passado esse tempo, lavar bem as frutas com água fria. Cortá-las ao meio e remover a polpa e a parte branca da casca. Reservar a polpa para preparar sucos ou outras receitas mais tarde.

Cortas as cascas dos maracujás em tiras e transferir para uma assadeira. Levar ao forno em fogo médio para assar durante 30 minutos; Feito isso, esperar esfriar e passar as cascas da assadeira para o liquidificador. Bater em potência máxima até adquirir a consistência de uma farinha. Peneirar e guardar a farinha de maracujá em um recipiente esterilizado, seco e tampado.

Receita 4

Ingredientes:

  • 3 unidades de maracujá.

Modo de preparo:

Lavar bem as frutas e cortá-las pela metade. Remover as polpas dos maracujás e reservar para utilizar posteriormente em receitas de sucos ou outras preparações; Cortar cada metade da casca de maracujá ao meio e levar os pedaços ao processador de alimentos para triturar. Eles devem ser triturados de maneira bastante uniforme.

Espalhar bem os pedaços triturados da casca de maracujá na bandeja de um desidratador de alimentos, formando uma camada fina. Levar ao desidratador de alimentos para que fiquem bem sequinhos.

Passar os pedaços secos da casca de maracujá ao liquidificador e bater até adquirir a consistência de uma farinha. Armazená-la em um recipiente bem esterilizado, seco e fechado.

Outras dicas

Recomenda-se selecionar maracujás com casca bem
amarelas e lisas porque isso indica que a parte branca da casca está preservada
– e é justamente isso que resultará em uma farinha de boa qualidade.

Como usar a farinha de maracujá?

Você pode consumir uma porção de farinha de
maracujá 30 minutos antes das refeições para ter saciedade e não exagerar na
hora de comer, benefício que é atribuído ao elevado teor de fibras encontrado
no produto. O ingrediente também pode ser salpicado em frutas ou outras comidas
e dissolvido em sucos, vitaminas e iogurtes, por exemplo.

Entretanto, não é aconselhável levar a farinha de maracujá ao fogo porque não se sabe se a exposição ao calor não pode interferir nas suas propriedades. 

Além disso, as crianças, as mulheres que amamentam e as mulheres grávidas devem usar a farinha de maracujá sempre sob acompanhamento médico.

Não se deve exagerar no consumo do produto para não correr o risco de consumir fibras demais, o que pode provocar efeitos colaterais como diarreia, distensão abdominal e vômito. A quantidade máxima de consumo diário da farinha de maracujá é de duas colheres de sopa ou 30 gramas.

Ainda por conta do seu elevado teor de fibras, a ingestão da farinha de maracujá precisa vir acompanhada de água, para evitar que seja desenvolvida um quadro de prisão de ventre.

Referências Adicionais:

O que você achou dessas dicas de como fazer farinha de maracujá? Pretende experimentar em casa? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo Como Fazer Farinha de Maracujá – 4 Formas e Dicas Especiais Aparece primeiro em Mundo Boa Forma