Como fazer a higiene bucal corretamente?

Manter a boca saudável requer hábitos constantes de higiene bucal. Veja aqui dicas de como fazer a higiene bucal corretamente e assim evitar uma série de doenças bucais.

A higiene oral adequada é capaz de prevenir não só a cárie, como também outros problemas como a gengivite e o mau hálito, por exemplo. Aliás, muita gente não percebe que tem halitose. Por isso, confira também como saber se você tem mau hálito.

Além de preservar um sorriso bonito, cuidar da saúde bucal é cuidar da saúde como um todo. Confira a seguir como higienizar seus dentes da forma certa.

Passos para a higiene bucal perfeita

1. Escove os dentes

Parece óbvio, mas é importante escovar os dentes corretamente e regularmente. Três vezes ao dia seria a frequencia ideal, mas a recomendação oficial é de escovar os dentes ao menos duas vezes por dia.

O principal foco de uma boa escovação deve ser remover os resíduos dos dentes antes da hora de dormir a fim de eliminar os germes e as bactérias que vão se acumulando durante o dia.

Além da frequência e de escolher escovas com cerdas macias, é importante escovar os dentes do modo correto e usar um bom creme dental.

De acordo com a American Dental Association (Associação Dentária Americana), as seguintes orientações ajudam a manter os dentes mais saudáveis:

  • Posicione a escova em um ângulo de 45 graus em relação às gengivas;
  • Mova a escova para frente e para trás em movimentos curtos e suaves;
  • Escove todas as superfícies dos dentes;
  • Use a ponta da escova de dentes para limpar a parte interna dos dentes da frente, focando em um movimento suave para cima e para baixo.

2. Use o fio dental todo dia

passar-fio-dental-nos-dentes

É fundamental usar o fio dental entre os dentes e gengiva ao menos uma vez ao dia. Além de auxiliar na limpeza, o fio dental ajuda a diminuir a placa bacteriana que tende a se formar na linha da gengiva.

Além disso, o hábito de passar o fio dental reduz o risco de inflamação e de problemas bucais como a gengivite, por exemplo.

Na hora de passar o fio dental, a American Dental Association sugere que você use um pedaço de aproximadamente 45 centímetros de comprimento.

Em seguida, enrole o fio dental nos dedos médios e segure o fio com os polegares e indicadores das mãos.

Passe o fio dental entre todos os dentes fazendo um leve movimento de fricção.

Na linha da gengiva, curve o fio dental no formato da letra “C” em volta do dente (como se o fio fosse abracar o dente) e deslize suavemente entre a gengiva e o dente.

Use também movimento para cima e para baixo para limpar a lateral dos dentes.

Tais movimentos devem ser feitos em cada dente, pois eles ajudam a remover a placa bacteriana que a escova de dentes não consegue alcançar.

3. Faça bochechos

O uso de um enxaguante bucal não faz parte do dia a dia de todo mundo, mas fazer bochechos com ele pode ajudar a manter a higiene bucal.

De fato, o enxaguante bucal é capaz de diminuir a quantidade de ácido na boca, auxiliar na limpeza geral dos dentes e remineralizar os dentes.

Certamente, os benefícios do enxaguante vão depender da composição de cada um. O ideal é conversar com seu dentista para saber qual enxaguante bucal é melhor para você.

4. Use flúor

O flúor é muito importante para diminuir o risco de cárie dentária. Esse mineral atua combatendo os germes que podem causar cáries e mau hálito.

A maioria das pastas de dente já contêm flúor, mas é sempre bom observar se a sua cumpre esse requisito.

5. Não se esqueça de limpar a língua

A placa bacteriana também se acumula na superfície da língua. Sendo assim, é importante escovar a língua também.

Além de reduzir as bactérias, a escovação da língua evita o mau hálito. Aliás, é importante verificar alterações na língua como manchas ou pequenas rachaduras que podem aparecer. Veja também o que pode ser a língua rachada e o que fazer.

Dúvidas comuns sobre higiene oral

Se ainda restaram algumas dúvidas sobre a melhor higiene bucal, veja essas perguntas comuns para seguir a sua rotina corretamente:

Usar primeiro o fio dental ou a escova?

Não existe um consenso sobre qual usar primeiro. O fato é que você deve fazer um bom trabalho tanto na escovação quanto no uso do fio dental.

Ambos se complementam, então não há diferença no resultado final se você usar primeiro o fio dental e depois a escova de dentes ou vice versa.

Palitar os dentes faz mal?

Os palitos não são objetos feitos para a limpeza dos dentes. Aliás, eles podem ferir as gengivas ou facilitar a entrada de bactérias. Assim sendo, o ideal para a sua saúde bucal é banir o uso de palitos de dentes.

Quando substituir a escova de dentes?

Apesar de ser usada para limpar os dentes, a escova também acumula bactérias. Por isso, a substituição frequente é essencial.

A orientação dos dentistas é de trocar a escova de dentes a cada três meses, em média.

Comer frutas e vegetais crocantes

Cuidar da alimentação também ajuda na higiene bucal. De fato, comer alimentos naturais ajuda não só a preservar a saúde dos dentes como de todo o resto do corpo.

Alimentos frescos e crocantes como a maioria das frutas contribuem para a mastigação correta e ajudam a limpar os dentes. Além disso, eles são ricos em fibras e nutrientes fundamentais para a saúde.

Beber água

A água ajuda a evitar a boca seca, o que contribui para reduzir o risco de mau hálito.

Além disso, beber água ajuda a diminuir a acidez da boca, já que o ácido acaba sendo diluído pela água.

Evitar os alimentos ácidos ou açucarados

O açúcar é um dos alimentos preferidos das bactérias que vivem na sua boca. Assim sendo, quanto mais açúcar você ingerir, mais bactérias vão crescer na sua boca.

Além disso, as bactérias liberam ácidos que desgastam o esmalte dos dentes e aumentam as chances de cáries.

Por isso, é uma boa ideia limitar o consumo de alimentos açucarados e ácidos a fim de evitar danos à saúde bucal.

Visitar o dentista regularmente

Ainda que você siga à risca todas as orientações de higiene oral, é preciso visitar um dentista pelo menos duas vezes a cada ano.

Assim, o dentista poderá remover a placa bacteriana que sua escova não foi capaz de remover. Além disso, ele é capacitado para identificar problemas bucais que você não consegue enxergar e indicar o tratamento mais adequado.

Fontes e Referências Adicionais:

Você cuida bem da saúde dos seus dentes? Pretende melhorar algum aspecto da sua higiene bucal? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo Como fazer a higiene bucal corretamente? Aparece primeiro em Mundo Boa Forma