Caroço na axila: possíveis causas e tratamentos

Observar o seu corpo e prestar atenção nos sinais que ele envia é uma das melhores maneiras de se manter saudável. Isso acontece, por exemplo, quando você encontra um caroço na axila.

Como diversos sintomas que parecem ser preocupantes, o nódulo na axila pode significar muita coisa. Desta maneira, é importante estar atento.

Conheça algumas das possíveis causas para o caroço da axila. Do mesmo modo, descubra os tratamentos para este sintoma e o que você deve fazer quando um nódulo aparecer.

Mas afinal, o que é um caroço na axila?

Primeiramente, antes de você entrar em pânico e correr para o médico, é preciso entender o que é este caroço ou nódulo que apareceu repentinamente na sua axila.

Este caroço, nódulo ou gânglio significa que um ou mais gânglios de baixo do seu braço estão dilatados.

Estes gânglios linfáticos são pequenas glândulas de forma oval. Elas estão presentes em todo o nosso corpo. Estas glândulas desempenham um papel importante no sistema imunológico.

Além disso, é importante notar que o nódulo varia muito de tamanho. Tudo depende do motivo de ele estar ali.

Entenda por que o nódulo na axila aparece

Antes de mais nada, é importante que você saiba que normalmente este caroço na axila não é sinal para preocupação. Geralmente, é um sintoma de condições simples como um furúnculo, a inflamação de um folículo piloso ou de uma glândula de suor.

Do mesmo modo, este caroço também pode ser um gânglio linfático que aumentou, também conhecido como íngua.

Por outro lado, um caroço na axila também pode significar alterações dermatológicas, como a hidrosadenite supurativa.

Normalmente, ele é inofensivo. No entanto, em casos raros, este nódulo também indica doenças mais graves, como doenças imunológicas, infecciosas ou até mesmo câncer. Dessa forma, é importante verificar outros sintomas.

Por isso, você deve consultar sempre um dermatologista para que ele identifique a causa do nódulo e qual é o melhor tratamento. Lembre-se, a automedicação nunca é recomendada!

Conheça algumas das possíveis causas do caroço nas axilas

Como vimos, o caroço na axila pode ser inúmeras coisas. Sendo assim, para que você conheça melhor o assunto, selecionamos as causas mais comuns que podem fazer com que este nódulo apareça.

1. Cisto sebáceo

A princípio, uma das causas do nódulo na sua axila é um cisto sebáceo. Simples de ser tratado, o cisto sebáceo nada mais é do que um um tipo de caroço que surge embaixo da pele.

Na maioria dos casos, ele ocorre devido ao acúmulo de sebo e por isso pode aparecer em qualquer lugar. O cisto sebáceo só será dolorido se houver alguma inflamação ou irritação no local.

Em alguns casos, o dermatologista indica um procedimento ambulatorial para a remoção do cisto.

2. Linfadenite

Da mesma forma, o nódulo na axila também pode aparecer devido a uma linfadenite. A linfadenite é uma inflamação no gânglio. Esta condição ocorre devido a infecções, cutâneas ou não, causadas por bactérias.

O dermatologista deverá solicitar uma biópsia e uma análise do liquido linfático para verificar o tipo de bactéria. Apenas após este exame é que o curso de tratamento se define.

 3. Hidrosadenite supurativa

caroço axila

Do mesmo modo, outra condição bem comum que traz caroços na axila é a hidosadenite supurativa. A hidrosadenite supurativa da axila é a inflamação das glândulas que produzem suor no local.

Como resultado, há um bloqueio da passagem de suor para fora da glândula que produz este caroço. Neste caso, é preciso consultar um dermatologista que irá decidir qual o melhor tratamento.

O tratamento pode ser feito tanto com cremes antibióticos quanto injeções de corticoide na região. Tudo dependerá do seu caso.

4. Foliculite

A foliculite, outra condição que pode causar nódulos nas axilas é a inflamação dos folículos pilosos. Ela pode ocorrer por uma infecção bacteriana, fúngica ou viral da região.

O dermatologista irá indicar o melhor curso de tratamento ou medicamento, seja anti-inflamatório ou antibacteriano, indicado para o caso.

5. Linfomas

Embora normalmente indiquem condições simples de serem tratadas e que não apresentam riscos à saúde, os nódulos também podem significar algum tipo de câncer.

Estes cânceres são conhecidos como linfoma. Nestes casos, o tratamento geralmente é a quimioterapia.

Em suma, conheça seu corpo. Não marque bobeira! Assim que o caroço na axila aparecer, consulte seu dermatologista.

E você? Já teve um caroço na axila? Conte então para a gente a sua experiência!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo Caroço na axila: possíveis causas e tratamentos Aparece primeiro em Mundo Boa Forma