Benefícios da Erva-Baleeira – Para Que Serve e Como Usar!

Erva-baleeira

Conheça melhor a erva-baleeira, saiba mais sobre as propriedades dessa erva, para que serve e quais são seus benefícios para a saúde.

Essa planta litorânea brasileira tem muitas propriedades medicinais e anti-inflamatórias que agem no controle e alívio da dor e da inflamação. Tradicionalmente, a planta é usada por populações nativas para cicatrizar feridas e reduzir a dor. O uso local proporciona um efeito analgésico que alivia dores relacionadas à inflamação nos músculos ou nos tendões.

Aqueles que buscam por remédios naturais para emagrecer também procuram a erva-baleeira por acreditar que ela ajuda nesse processo. Se esse é o seu principal objetivo, vale a pena conferir quais são as suas opções de ervas medicinais para emagrecer.

Erva-baleeira

Conhecida pelo nome científico de Cordia verbenacea, a erva-baleeira é uma erva com propriedades medicinais interessantes para a saúde.

Encontrada na forma de medicamento fitoterápico, a erva-baleeira é recomendada para o tratamento de inflamações locais. Veja também os fitoterápicos para emagrecer mais conhecidos. Outros nomes dados a erva são: pimenteira, maria-milagrosa, maria-preta e catinga.

Pesquisadores de renomadas universidades brasileiras como a Universidade Federal de São Paulo, a Universidade Federal de Santa Catarina, a Universidade de Campinas e a PUC-Campinas atestaram que o óleo essencial de erva-baleeira contém alfa-humuleno como ingrediente ativo e que ele oferece um efeito semelhante ao de anti-inflamatórios potentes como o diclofenaco.

Para que serve

A erva-baleeira é muito usada para auxiliar no tratamento de inflamações, mas também é conhecida pelos seus efeitos antisséptico, analgésico, diurético e laxante.

Além de ser usada na medicina tradicional, há um creme contendo Cordia verbenacea como princípio ativo que é indicado para o tratamento local de inflamações causados por tendinites, dores musculares, traumas, contusões e entorses. O medicamento atua como um anti-inflamatório de uso tópico que ajuda a aliviar dores musculares.

Veja ainda remédios para dores musculares mais usados e como eles atuam no organismo.

Benefícios da erva-baleeira

1. Efeito cicatrizante

Tradicionalmente, a erva-baleeira é aplicada na pele para cicatrizar feridas mais rapidamente. Acredita-se que seu efeito anti-inflamatório colabora para a cicatrização.

Seu efeito antisséptico protege a pele e o corpo, evitando que ocorram infecções na pele enquanto ela cicatriza. Além disso, a planta também tem compostos fenólicos antioxidantes que estimulam e aceleram a renovação das células da pele.

2. Tratamento da artrite

O efeito anti-inflamatório da erva-baleeira é sem dúvidas o mais importante desta planta. Graças à presença do alfa-humuleno e de seus poderosos efeitos anti-inflamatórios, a erva-baleeira é capaz de aliviar as dores fortes associadas à artrite e ao reumatismo.

3. Alívio de dores musculares

A erva-baleeira parece atuar também como um relaxante muscular, o que é muito útil para reduzir as dores após um treino ou um dia intenso de trabalho. A analgesia e o efeito anti-inflamatório que a planta oferece também ajuda a reduzir esse tipo de dor.

4. Emagrecimento

Algumas pessoas procuram a planta por causa dos boatos de que o chá de erva-baleeira emagrece. De fato, a erva tem uma ação diurética que pode ajudar na redução do inchaço e da perda de peso quando a pessoa sofre de retenção de líquidos. Além disso, a erva-baleeira também promove um efeito laxativo que estimula os movimentos intestinais, o que também pode dar a impressão de emagrecimento.

Apesar do efeito diurético e laxante, não existem estudos que comprovem cientificamente que a erva-baleeira seja eficaz para a perda de peso.

5. Tratamento de gastrite e úlceras

As propriedades anti-inflamatórias da erva-baleeira ajudam a aliviar sintomas de problemas gástricos e de úlceras. Como a erva também apresenta efeito analgésico, ela pode ser de grande utilidade para diminuir as dores que acompanham essas doenças.

O chá de erva-baleeira também pode ajudar no tratamento de infecções urinárias devido ao seu efeito diurético, que estimula a eliminação de bactérias através da urina.

Efeitos colaterais

A erva baleeira dificilmente causa reações adversas, mas em casos raros pode ocorrer aumento da sensibilidade na pele – especialmente quando usada na forma de creme.

Assim, a aplicação na pele ferida, queimada, lesionada ou infeccionada não é recomendada. Pessoas com alergia ou sensibilidade à erva baleeira também não devem usar a erva. Não há relatos de reações adversas ao consumo do chá, mas se você notar qualquer tipo de mal-estar depois de tomar a bebida, consulte um médico.

Benefícios da erva-baleeira: como usar!

– Pomadas ou cremes

Depois de limpar e secar a pele, aplique uma fina camada de creme de erva-baleeira na pele no local da dor.

Dosagem usual: o creme deve ser aplicado até 3 vezes ao dia até os sintomas desaparecem ou segundo as orientações médicas. Após sete dias de uso do creme de erva-baleeira, é possível notar a melhora no quadro inflamatório. Se isso não ocorrer, consulte um médico.

– Aerossol

A erva-baleeira também está disponível na forma de aerossol. Nesse caso, é importante agitar antes de aplicar o composto na pele. A forma de usar é praticamente a mesma: basta aplicar 3 vezes por dia pelo tempo indicado pelo seu médico.

Em geral, qualquer pessoa pode usar a erva baleeira, mas não existem estudos sobre o efeito da erva em idosos, em crianças com menos de 12 anos de idade, em gestantes ou em lactantes e por isso seu uso não é recomendado para esses grupos de pessoas.

– Chá de erva-baleeira

Para o preparo do chá, são necessários 1,5 gramas de folhas secas de erva-baleeira (ou uma colher de sobremesa) e uma xícara de chá de água. Se for usar a planta fresca, use uma colher de sopa para a mesma medida de água.

Lave e corte as folhas em pedaços pequenos enquanto a água esquenta. quando a água estiver fervendo, adicione as folhas e desligue o fogo. Deixe a mistura parcialmente tampada em infusão por 10 minutos. Depois disso, coe e seu chá está pronto para ser saboreado.

Além de tomar a bebida até 3 vezes ao dia, você também pode usar o chá para fazer compressas quentes usando um pano umedecido com o chá sobre a pele.

– Extrato ou cápsula

A erva baleeira também pode ser consumida na forma de extrato ou cápsula. Nesse caso, a dosagem deve ser consultada no rótulo ou bula do produto.

Dicas e cuidados

– Contraindicações

Como já mencionado, a erva-baleeira é contraindicada em casos de alergia prévia à erva e também em casos de feridas na pele, queimaduras ou lesões infecciosas. Não é recomendado usar a erva-baleeira ao mesmo tempo em que faz uso de outro remédio de uso tópico afim de evitar irritações na pele ou interações medicamentosas.

– Atenção com as mucosas

É preciso tomar cuidado com os olhos e com a boca na hora do uso tópico da erva baleeira porque pode ocorrer irritação intensa. Se por acaso o produto entrar em contato com as mucosas do seu corpo, enxague o local com muita água.

– Se necessário, vá ao médico

Embora o poder anti-inflamatório da erva-baleeira seja incrível, ela não deve substituir nenhum tratamento medicamentoso indicado por um médico. Se você sofre de uma doença inflamatória crônica, busque o tratamento mais adequado para você e use a erva como um complemento.

O mesmo vale para o emagrecimento. Se seu objetivo é perder peso, não se prende a uma erva que pode facilitar o processo. Em vez disso, empenhe-se em adotar uma dieta balanceada e praticar atividades físicas que vão te ajudar a alcançar seu objetivo com mais saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

O que você achou dos benefícios da erva-baleeira? Pretende aproveitar e incluir na sua rotina algum dos tipos de uso listados? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo Benefícios da Erva-Baleeira – Para Que Serve e Como Usar! Aparece primeiro em Mundo Boa Forma