As 10 Pimentas Mais Fortes do Mundo

Bhut Jolokia

Veja quais são as pimentas mais fortes do mundo para você que é um amante da picância em seus pratos e como elas são classificadas e avaliadas.

Enquanto algumas pessoas apreciam uma boa dose de pimenta no prato, outras passam longe do ingrediente e chegam a passar mal quando ingerem sem querer uma comida mais apimentada.

Para quem faz parte do primeiro grupo, diversas receitas podem ser incrementadas pelos variados tipos de pimenta: molhos, carnes, macarrões, pasteis, lasanhas, coxinhas, sucos e drinks alcoólicos.

Que tal conhecer receitas de molho de pimenta caseiro light e alguns tipos de pimenta e seus benefícios para a saúde e boa forma?

Quais seriam as 10 pimentas mais fortes do mundo?

Já parou para pensar em quais variedades disputam o título de pimenta mais ardida do mundo? Isso pode ser algo difícil de ser determinado, entretanto, traremos uma lista com algumas das pimentas mais fortes que poderiam ser apontadas como as mais potentes do mundo. Confira:

1. Pimenta Carolina Reaper

Esta variedade de pimenta americana foi apontada como a pimenta mais forte do mundo do quesito “ser picante”. Ela é um híbrido das variedades Red Habanero e Ghost Pepper (Bhut Jolokia) e já foi apontada como 200 vezes mais picante do que a pimenta Jalapeño.

Além de ser extremamente ardida, a Carolina Reaper apresenta um toque de sabor doce e frutado.

2. Pimenta Moruga Scorpion

Esta pimenta é originária do distrito de Moruga, em Trinidad e Tobago, e foi descoberta apenas recentemente. Ela também é descrita como uma combinação entre os sabores doce e picante.

Entretanto, a sua ardência não aparece de imediato: ela vai crescendo gradualmente depois de ser ingerida, provocando reações como soluços, transpiração e dormência.

3. Pimenta 7 Pot Douglah

Esta variedade de pimenta é apontada como uma das pimentas mais fortes (no quesito picante) com o melhor sabor.

Ela também é apontada como
a pimenta mais ardida dentro do grupo das que não possuem uma coloração
vermelha – a cor dela é mais puxada para o roxo, vinho ou marrom.

4. Pimenta 7 Pot Primo

Desenvolvida pelo
horticultor Troy Primeaux, a variedade 7 Pot Primo é dona de uma aparência
bastante parecida com a da pimenta Carolina Reaper, que ostenta o título de
pimenta mais ardida do mundo.

Considerando o fato de que a 7 Pot Primo ocupa o quarto lugar em uma escala das pimentas mais fortes, o ardor também não deve ser tão diferente do apresentado pela Carolina Reaper, não é mesmo?

5. Pimenta Scorpion Butch T

Temos aqui outra espécie de
pimenta nativa de Trinidad e Tobago, que recebeu este nome por conta da
aparência da estrutura presente em sua ponta e em uma referência a Butch
Taylor, homem envolvido em sua criação.

Embora apareça “somente” no quinto lugar nesta lista de pimentas mais fortes do mundo, há quem declare que “a pimenta Scorpion Butch T de Trinidad é similar à ingestão de 1 mil sóis”.

Assim como acontece com outras pimentas picantes, esta variedade de pimenta também é dotada de um sabor frutado.

6. Pimenta Naga Viper

A dona da sexta colocação é
classificada como uma pimenta extremamente rara. Esta variedade é cultivada no
Reino Unido e é uma espécie híbrida de diferentes pimentas – Naga Morich, Buth
Jolokia e Moruga Scorpion.

Como você deve lembrar, duas delas já apareceram na nossa lista de pimentas mais fortes (lembrete: uma como uma das espécies empregadas na criação da Carolina Reaper e outra na segunda posição da escala), então realmente é para se esperar muita ardência da Naga Viper.

Foram necessários anos de polinização cruzada para desenvolver esta pimenta super ardida, que é conhecida por apresentar um forte sabor frutado, bastante parecido com o de bananas demasiadamente maduras.

7. Pimenta Ghost Pepper/Bhut Jolokia

Ainda que alguns possam conhecer a Ghost Pepper/Bhut Jolokia como a pimenta mais ardida do mundo, ela só aparece no sétimo lugar da lista de pimentas mais picantes – o que não significa que ela não deixa uma ardência potente na boca ao ser consumida.

Tanto que ela é descrita como uma pimenta que “pode colocar um homem adulto de joelhos” e foi trabalhada pelo exército indiano como uma arma biológica, já que acredita-se que o cheiro forte da variedade possa asfixiar o inimigo.

Falando na Índia, a Bhut Jolokia é cultivada nos estados indianos de Assam, Manipur e Nagaland. Ela é um cruzamento entre as espécies Capsicum chinense e Capsicum frutescens.

8. Pimenta 7 Pot Barrackpore

A dona da oitava posição é outra pimenta picante que vem de Trinidad e Tobago – mais precisamente, ela é oriunda da cidade de Chaguanas.

Já deu para perceber para
qual país devemos viajar se quisermos fazer um tour regado pelas pimentas mais
fortes, ardentes e picantes do mundo, não é mesmo?

9. Pimenta 7 Pot Red (Giant)

Temos aqui outra pimenta da
família das “7 Pot” para figurar no ranking das pimentas mais fortes e picantes
do mundo. Elas recebem essa nomenclatura de “7 Pot” graças à “singela”
habilidade que possuem de esquentar sete pots (panela ou pote, em inglês) de cozido
ou guisado.

10. Pimenta Red Savina Habanero

Um dia ela foi a rainha das pimentas super picantes, entretanto, com o passar do tempo, a Red Savina Habanero foi destronada por suas colegas, como podemos perceber nesta lista.

Mas isso não significa que
ela não forneça uma ardência extrema ao paladar de quem a consome – até porque
figurar no top 10 das pimentas mais fortes e picantes não é para qualquer uma!

Como são avaliadas e classificadas as pimentas mais fortes e picantes do mundo?

De acordo com especialistas, o coeficiente de ardência de uma pimenta é estabelecido com base no pico que cada variedade alcança no Scoville Heat Units (Unidade Scoville de Ardor, tradução livre, SHU, sigla em inglês), uma medida que quantifica a pungência ou ardência de uma substância.

A SHU avalia a ardência de uma pimenta medindo a sua concentração de capsaicinóides. A capsaicina (o tipo mais comum de capsaicinóide) é justamente a substância responsável por sensação picante dentro de uma pimenta.

No ranking a seguir, montado com base nas informações disponibilizadas pelo site Pepper Head, você confere quantos SHUs cada uma das pimentas apresentadas na lista de cima atingiu:

  1. Pimenta Carolina Reaper: 2.220.000 SHU;
  2. Pimenta Moruga Scorpion: 2.009.231 SHU;
  3. Pimenta 7 Pot Douglah: 1.853.936 SHU;
  4. Pimenta 7 Pot Primo: 1.469.000 SHU;
  5. Pimenta Scorpion Butch T: 1.463.700 SHU;
  6. Pimenta Naga Viper: 1.349.000 SHU;
  7. Pimenta Ghost Pepper/Bhut Jolokia: 1.041.427 SHU;
  8. Pimenta 7 Pot Barrackpore: 1.000.000 SHU;
  9. Pimenta 7 Pot Red (Giant): 1.000.000 SHU;
  10. Pimenta Savina Habanero: 500.000 SHU.

Atenção: A lista com as 10 pimentas mais picantes está atualizada para 2019. Entretanto, como o ranking costuma sofrer alterações, conforme novas avaliações na medida de SHU, é possível que eventualmente ele fique desatualizado, dependendo da data em que você acessar este texto.

Referências
Adicionais:

Você já conhecia as 10 pimentas mais fortes do mundo? Pretende experimentar alguma? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

O conteúdo As 10 Pimentas Mais Fortes do Mundo Aparece primeiro em Mundo Boa Forma